Tecnologia Xylem usada no estudo dos principais sistemas fluviais

Um centro de pesquisa se associou a marca YSI da Xylem em um projeto para monitorar a qualidade da água em toda a extensão do rio Mississippi. Utilizando soluções da Xylem, o NGRREC (Centro Nacional de Pesquisa e Educação dos Grandes Rios Nacionais) visa estabelecer uma rede global de plataformas para monitoramento da qualidade da água em tempo real em grandes rios ao redor do mundo.

Por milhares de anos, o desenvolvimento da civilização humana esteve estreitamente ligado aos grandes rios. Com o passar do tempo, os humanos alteraram o ecossistema e continuam afetando-o atualmente. A fim de proteger tanto a ecologia como as economias em torno dos principais rios, é necessária uma pesquisa para entender como e por que esse ecossistema está mudando.

O NGRREC estuda os principais sistemas fluviais, as bacias hidrográficas que os alimentam e os laços com as comunidades que os utilizam. O centro está estrategicamente localizado, operando a partir de uma estação de campo em Illinois, onde os rios Mississippi, Missouri e Illinois se encontram. Fundado em 2002, o centro é uma parceria entre o Illinois Natural History Survey, a Universidade de Illinois em Urbana-Champaign e Lewis and Clark Community College.

Uma rede de plataformas para monitoramento da qualidade da água

Os parceiros do NGRREC coletam amostras discretas da qualidade da água no rio Mississippi há mais de 20 anos. Como essas amostras são coletadas em intervalos de uma ampla faixa espacial, as mudanças que ocorrem em uma escala de tempo curto, como um pulso de inundação durante uma semana, não são capturadas.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

O centro queria encontrar uma maneira mais ampla de coletar dados e detectar tendências no rio Mississippi. Isso ajudaria a manter informados os tomadores de decisão de reformas políticas, melhoraria a gestão sustentável dos rios e contribuiria para a compreensão dos grandes rios. Com isso em mente, o centro lançou um novo projeto: GREON (Rede de Observação Ecológica dos Grandes Rios).

O programa GREON procura estabelecer uma rede de plataformas para monitoramento da qualidade da água em tempo real em grandes rios ao redor do mundo. A rede dará aos cientistas a capacidade de comparar e contrastar diferentes rios e abordar questões urgentes, como carregamento de nutrientes, carregamento de sedimentos e mudanças climáticas.

 A YSI desenvolve a plataforma PISCES

O NGRREC tornou-se parceiro da YSI para projetar e lançar uma boia de monitoramento capaz de coletar dados contínuos em tempo real sobre a qualidade da água e o fitoplâncton. Em maio de 2013, a primeira boia foi lançada no Sistema do Rio Alto Mississippi. O sistema de boia foi denominado plataforma PISCES (Pontão para caracterização in situ de sistemas ambientais).

A plataforma PISCES está equipada com uma sonda YSI EXO2, sensor de nitrato UV, sensor meteorológico e registrador de dados. Os testes da plataforma em um canal de águas residuais conectado ao rio Mississippi demonstraram que proporcionava dados precisos e confiáveis. Nos dois anos seguintes, o NGRREC adquiriu e implantou um total de sete plataformas PISCES totalmente equipadas.

Três dessas unidades se encontram no canal principal do rio Mississippi, duas em represamentos próximos ao rio, e duas estão em reservatórios na bacia hidrográfica. Essas estações de monitoramento contínuo ajudaram a preencher as lacunas de dados da amostragem discreta.

Foco no monitoramento de nutrientes

A natureza móvel da plataforma flutuante permitiu que a equipe de pesquisa aproveitasse a oportunidade e, conforme necessário, movesse unidades para abordar questões específicas de pesquisa. Eventualmente, o programa pretende expandir a implantação de plataformas para grandes rios ao redor do mundo.

Com o surgimento da grande rede de sensores dos grandes rios e afluentes da U.S. Geological Survey, o programa GREON agora não precisa focar tantos recursos no monitoramento geral do canal principal do rio Mississippi. A missão do programa GREON mudou ligeiramente para se concentrar mais na parte de monitoramento de nutrientes da rede. Assim, oferece suporte ao trabalho do NGRREC sobre a hipóxia, fenômeno no qual a concentração de oxigênio dissolvido na coluna de água cai para um nível que não pode mais suportar a vida aquática.

Compartilhamento de dados através de um banco de dados on-line

O programa GREON é complementado por outro projeto colaborativo no NGRREC, o Observatório virtual dos Grandes Lagos para o Golfo. Esta aplicação geoespacial interativa compartilha informações de recursos hídricos do rio Mississippi e seus afluentes. Possibilitando que os usuários visualizem dados e camadas de contexto geoespaciais a partir de muitas fontes publicamente disponíveis em uma interface comum baseada em mapas.

A base de dados oferece suporte às atividades da Força-Tarefa de Hipóxia da EPA, bem como às atividades realizadas pelas agências estaduais em suas estratégias de redução de nutrientes. Proporciona uma maneira amigável de visualizar dados sobre a qualidade dos nutrientes e da água.

Quer saber mais?

Faça o download da última edição da Mission: Water

 

Série de artigos

Em foco: desafios atuais e futuros das empresas públicas

Começar a ler

Assine nosso boletim

Boletim