Experiência da Xylem em drenagem salva time de futebol tailandês

O resgate bem-sucedido de doze meninos e seu técnico em uma caverna na Tailândia foi auxiliado pela experiência da Xylem em drenagem em ambientes difíceis. Quatro especialistas da Xylem estiveram no local e recomendaram uma reconfiguração das bombas de modo a aumentar a vazão em 40%, o que drenou as câmaras da caverna mais rapidamente.

Em 23 de junho, o time de futebol e seu técnico estavam explorando a caverna após um treinamento. Começou a chover forte devido às monções, bloqueando a entrada da caverna. No dia 2 de julho, mais de uma semana após seu desaparecimento, mergulhadores encontraram o time dentro da caverna, a quase cinco quilômetros da entrada.

“Cheguei na Tailândia no início da semana passada, quando estava de caminho a Cingapura para o evento da Semana da Água, um pouco antes dos meninos terem sido identificados”, conta Patrick Decker, presidente e CEO da Xylem. “Quando comecei a assistir as notícias e vi que estavam bombeando água, pensei que devia haver alguma forma pela qual a Xylem, como líder global em tecnologia da água, pudesse ajudar.”

Usando sua rede de contatos na Tailândia, Decker conseguiu entrar em contato com o governador de Chiang Rai na sexta-feira, 6 de julho. O governador educadamente permitiu que quatro especialistas da Xylem, dos EUA, Reino Unido, Cingapura e Tailândia, começassem a ajudar na operação de bombeamento na sábado, 7 de julho.

“Não se tratava de trazer mais bombas ao local, mas sim de ir até lá e ver como poderíamos usar nossa experiência para aumentar a vazão das bombas que já estavam sendo utilizadas”, explica Decker. “Fizemos recomendações que aumentaram a vazão em cerca de 40%. Isso foi suficiente para drenar as três primeiras câmaras e baixar o nível da quarta câmara, o que ajudou a que fossem iniciadas as tarefas de extração no domingo.”

Na segunda-feira, 9 de julho, a Xylem também levou por transporte aéreo bombas e equipamentos de reserva, caso fosse necessário um plano alternativo.

“É um trabalho em equipe e tivemos um papel muito pequeno ao ajudar esses heróis, que foram o governador, toda a operação militar, os mergulhadores e todo mundo envolvido no caso”, afirma Decker. “Foi realmente fantástico.”

Na terça-feira, 10 de julho, todos os doze meninos e seu técnico foram resgatados da caverna.

“Estou muito orgulhoso dos meus colegas que trabalharam na caverna durante o resgate, entre eles Bobby Spinner, Adam Drakeley, Tassanai Poopat e Ryan Ng, assim como de toda a equipe do projeto global que os apoiou”, diz Decker.

 

Série de artigos

Em foco: Tecnologia e gestão inteligentes da água

Começar a ler

ASSINE NOSSO BOLETIM